Melhor Advogado do Brasil: como ser um advogado de sucesso?

O melhor advogado do Brasil. Foto de um advogado de terno, com pose confiante
6 minutos para ler

Se tornar um bom advogado e criar uma carreira de sucesso é a meta de muitos profissionais no Direito. Alguns, mais sonhadores, querem se tornar o melhor advogado do Brasil, ou até do mundo.

Conversamos com centenas de advogados de sucesso e resolvemos escrever um artigo completo sobre o assunto.

Qual é o caminho para se tornar o melhor advogado do Brasil? Como alcançar o sucesso na advocacia?

Fique até o final deste artigo e descubra! Já adiantamos que, ainda que você seja muito jovem, é possível que você se torne o melhor advogado do Brasil.

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.

Como ser um bom advogado?

Não existe um caminho único para se tornar um bom advogado.

Alguns profissionais optam por trabalhar em grandes bancas de advocacia, por alguns anos, para aprender e se especializar.

Outros optam por seguir a carreira acadêmica e buscar muito conhecimento técnico em uma área específica.

Enquanto vários advogados decidem abrir seu próprio escritório, logo após se formarem, e aprender por meio da prática da advocacia.

Todos esses caminhos são diferentes, mas em todos os casos existe um requisito básico para se tornar um bom advogado:

Conhecimento técnico especializado no Direito

Para se tornar um bom advogado, deve-se saber muito sobre o Direito. Parece óbvio, no entanto, vários advogados buscam saber tudo sobre o Direito.

De fato, é importante ter uma visão geral sobre diversos aspectos do Direito.

Um exemplo é a necessidade de domínio de todos os métodos adequados de solução de conflitos, para direcionar o cliente para o melhor caminho para resolver o caso.

Contudo, é essencial que o advogado busque uma área para se tornar especialista.

Os melhores advogados são reconhecidos pelos seus clientes como especialistas na área que atuam.

O conhecimento técnico, por muito tempo, foi suficiente para que um bom advogado se tornasse bem sucedido.

Entretanto, nos dias de hoje, é preciso muito mais que conhecimento técnico para se tornar um advogado de sucesso.

Como se tornar um advogado de sucesso?

Os advogados mais bem sucedidos, além de serem detentores de muito conhecimento técnico, transmitem confiança para seus clientes.

Percebe-se, portanto, que, de nada adianta ter conhecimento técnico profundo sobre algum tema, se os clientes não confiam no advogado.

Essa confiança é conquistada por meio da transparência, da ética e da comunicação clara com o cliente.

Um advogado de sucesso, portanto, precisa de desenvolver outras habilidades.

Como, por exemplo:

Marketing

Como o advogado se comunica com o mercado (online e offline)? Qual sua estratégia para aquisição de clientes?

A verdade é que a maioria dos advogados confia no boca-a-boca e numa dose de sorte para adquirir clientes e gerir sua equipe.

Gestão

Como é feita a gestão interna da equipe? Como funciona a estrutura organizacional?

É utilizada alguma forma de gestão ágil?

Banner - Lawtech e Legaltech

A maioria dos advogados ainda desconhece os métodos mais modernos de gestão e acaba contribuindo para a criação de um ambiente improdutivo, propenso a erros e de muito estressante.

Gestão de Conflitos

A maioria dos escritórios de advocacia trabalha para prevenir e resolver conflitos.

No entanto, surpreendentemente, “dentro de casa”, muitas vezes, os profissionais não sabem resolver seus próprios problemas.

Conforme o ditado popular brasileiro: “Casa de ferreiro, espeto de pau”.

Isso acontece, muitas vezes, pela falta de liderança e pela falta do domínio de técnicas adequadas para gestão de conflitos.

Em meio ao crescimento de métodos como Mediação, Arbitragem e Conciliação, é dever dos advogados utilizarem esses métodos com seus clientes, mas também internamente.

Os livros Originais, de Adam Grant, e Reinventando as Organizações, de Frederic Laloux, trazem cases de grandes empresas estadunidenses que fazem uso de métodos adequados de solução de conflitos para dirimir conflitos internos e fortalecer a cultura.

Quando os advogados começarão a fazer o mesmo?

Inovação

Os advogados inovadores são aqueles que utilizam as novas possibilidades trazidas pela tecnologia para criar uma nova forma de exercer o direito.

É possível inovar na forma de precificação dos honorários, na forma de adquirir clientes, na forma de realizar a gestão, etc.

Portanto, inovação é diferente de utilizar tecnologia. Na verdade, é mais aconselhável que um advogado se torne inovador e, só então, busque a tecnologia.

Nós preparamos um guia prático objetivo e detalhado para que um Advogado 4.0 possa implementar essas novas estratégias na prática. Caso queira saber mais, leia nosso Artigo sobre o Futuro da Advocacia!

Como se tornar o melhor advogado do Brasil?

Hoje no Brasil existem mais de 1 milhão de advogados inscritos na OAB.

Isso significa que a chance de algum advogado se tornar o melhor advogado do Brasil é a de aproximadamente 0,000001%.

A tarefa é quase impossível.

A não ser que um advogado comece a se especializar.

Quantos advogados especialistas em Direito Societário, em Direito Aduaneiro ou Direito para Startups existem no país?

Certamente, trata-se de um número muito inferior a 1 milhão de advogados.

O primeiro passo para se tornar o melhor advogado do Brasil é se especializar em alguma área específica.

E, posteriormente, combinar esse conhecimento com as demais habilidades, como o marketing, a comunicação, a liderança e a inovação.

Por exemplo, se você possui domínio em Mediação de Conflitos, em Direito Penal e em Compliance, você pode unir todas as suas especialidades técnicas e se comunicar para o mercado dessa forma.

Neste caso, você terá grandes chances de se tornar o melhor advogado do país na área em que atua.

O melhor advogado do Brasil sabe combinar suas habilidades e se posicionar no mercado de forma adequada.

Qual sua opinião sobre esse tema? Aguardamos seu comentário!

Se quiser continuar a jornada para se tornar o melhor advogado do Brasil, leia nosso artigo: ADVOCACIA 4.0: O FUTURO DA ADVOCACIA, NOVAS HABILIDADES E MUITO MAIS!

Você também pode gostar

Deixe um comentário