Como inovar na advocacia: tudo que você precisa saber!

Imagem 4 - Como inovar na advocacia
6 minutos para ler

A falta de estratégias organizacionais e a competitividade do mercado jurídico são entraves que freiam o crescimento da maioria dos escritórios de advocacia. Que estão começando a se perguntar: “Como inovar na advocacia?”

A verdade é que, no Brasil, é cada vez mais difícil abrir um escritório de advocacia e mantê-lo.

Por isso, é cada vez mais necessário inovar.

Prova disso, são os números:

Inovar pode ser a saída para destrancar sua expansão e para superar essas barreiras.

É preciso pensar em novas formas de atuação e exercitar a excelência no Direito. O importante, além da competência técnica, é se diferenciar no mercado.

Mas o que fazer na prática para inovar? Como utilizar a tecnologia para a otimização dos processos?

A inovação acontece com uma mudança de atitude e no uso de novas tecnologias.

No artigo de hoje, preparamos um guia prático de quais ferramentas podem ser utilizadas para inovar na advocacia.

Faça o download deste post inserindo seu e-mail abaixo

Não se preocupe, não fazemos spam.

Mudanças no mindset do Advogado

Como inovar na advocacia - 01

De forma geral, advogados são preparados para elaborar documentos jurídicos, fazerem audiências e sustentações orais.

Ou seja, advogados são preparados para serem advogados. Não, gestores ou empreendedores.

Dessa forma, alguns deles até pensam em novas formas de captação de clientes e sobre melhorias na execução de serviços jurídicos.

Mas, com a sobrecarga de trabalho, sobra pouco tempo para realmente empreender no escritório.

Dessa forma, quase todos os advogados acabam contando com a sorte ou optam por utilizar práticas antigas e pouco efetivas para alcançarem bons resultados.

Por muito tempo, o simples fato de o advogado ser especializado e qualificado já era suficiente para garantir o seu sucesso profissional.

Entretanto, com a situação do mercado brasileiro, com mais de 1 milhão de advogados inscritos na OAB, é preciso ir além.

É hora de pensar no escritório como uma empresa.

Nesse cenário, é preciso um alinhamento da identidade organizacional, uma estratégia sólida de captação de clientes e transparência para garantir a satisfação do cliente.

A entrega de serviços jurídicos com qualidade é o mínimo que se pode fazer. Mas é importante também pensar em como inovar na advocacia.

Se a forma de atendimento do cliente e os processos internos não mudarem, esses escritórios podem perder sua vantagem competitiva.

Mas como implementar essa mudança no seu escritório?

Advocacia 4.0 e a cultura da inovação

Como dito, o que os clientes esperam dos advogados não é somente a qualidade dos seus serviços jurídicos.

Os clientes querem proximidade com o advogado, segurança, confiança, compreensão, etc.

E, nesse cenário, para que um escritório encante o seu cliente ele precisa fazer muito mais do que enviar um bom documento em Word para o Poder Judiciário.

É preciso criar estratégias para que o cliente tenha todas as suas necessidades atendidas.

Nesse cenário, o advogado do futuro precisa ter um conhecimento multidisciplinar, buscar práticas de gestão e formas para: garantir o cliente satisfeito e aumentar a eficiência na execução de serviços.

Isso não significa que, necessariamente, o advogado deve fazer grandes investimentos em tecnologia. Pelo contrário, a inovação deve vir antes da tecnologia.

Com uma mentalidade empreendedora e utilizando algumas ferramentas básicas de gestão, até o Excel pode ser utilizado para causar um grande impacto em seu escritório.

Para que essa mudança seja possível é preciso, muitas vezes, mudar a cultura, os processos e a equipe do escritório.

Se quiser saber mais em como liderar essa mudança em escritórios pequenos, leia nosso artigo completo!

Inovação e o uso da tecnologia na advocacia

como inovar na advocacia - 02

Para entender como inovar na advocacia é preciso desenvolver novas habilidades e buscar as soluções tecnológicas adequadas.

É essencial que o advogado conheça e saiba das ferramentas tecnológicas para a captação de clientes. Muito se tem falado em outbound marketing, inbound marketing, mídia paga e marketing de indicação.

O movimento das Lawtechs e Legaltechs é algo realmente positivo para o Direito e muitos advogados começaram a entender e aplicar essas ferramentas.

Mas existe alguma Lawtech ou Legaltech que pode ajudar nesse processo de inovação? Já pensou em fazer alguma automação de documentos? Acompanhar dados públicos?

As soluções existentes são reais e já causam grandes impactos para os seus usuários.

Como inovar na advocacia: Lawtechs e Legaltechs

As Lawtechs e Legaltechs estão revolucionando o mercado jurídico.

Existem soluções de automação e gestão de documentos, gestão interna, extração e monitoramento de dados públicos, analytics e jurimetria e rede de profissionais.

Se você quiser se aprofundar, leia nosso artigo completo sobre o tema!

A Freelaw é uma dessas soluções presentes no mercado e promove a conexão entre advogados qualificados e especializados, de todas as regiões do país.

Com tecnologias como a Freelaw, os advogados conseguem entregar serviços jurídicos melhores, de forma mais ágil, com menos custos. Além disso, possuem acesso a talentos com diferentes níveis de experiência em todas as regiões do país.

Utilizar uma dessas soluções pode trazer um grande diferencial para o seu escritório. Recomendamos que você pesquise, analise todas as oportunidades e teste as soluções que te interessarem.

Quer se aprofundar ainda mais sobre o assunto? Leia o nosso artigo sobre a Advocacia 4.0 e o Futuro da Advocacia!

Você também pode gostar

Deixe um comentário